Daniel Campos

Ou exibir apenas títulos iniciados por:

A  B  C  D  E  F  G  H  I  J  K  L  M  N  O  P  Q  R  S  T  U  V  W  X  Y  Z  todos

Ordernar por: mais novos   título

Encontrados 86 textos. Exibindo página 9 de 9.

26/10/2010 - Fuga a dois

Vamos, vamos, apresse-se, o tempo não irá nos esperar por muito tempo. Vamos tomar rumo, ganhar prumo, conjugar sumo na primeira pessoal do plural. Vamos pegar a primeira estrada que vier, independentemente de onde ela der. Vamos pegar carona na vassoura da bruxa, na cauda do cometa, na barbatana do tubarão. Vamos roubar o cavalo do príncipe, o cadilac do rei, o 14 bis de Dumont. Mas vamos, vamos embora que é hora de ir. Vamos fugir, partir, fluir pelas estradas alaranjadas.

Vamos, vamos, cuidado, não se esqueça de nada e nem traga coisas demais. Vamos simplesmente com a bagagem necessária, no caso, eu e você, você e eu. Vamos sem se despedir de nada ou ninguém. Vamos, vamos além. Vamos que nosso tempo é curto pro tempo que a gente tem. Vamos rumar na canoa do índio, no helicóptero do deputado, na garupa do tropeiro. Vamos andar no monociclo do palhaço, no balão colorido, na nave espacial do extraterrestre que pousou no quintal. ...
continuar a ler


Comentar Seja o primeiro a comentar

14/09/2011 - Fugas de pesadelo

Ela acordou de um pesadelo real ou imaginário. Às vezes quanto mais absurdo o espanto mais palpável o medo vivido durante o sono. Seja o que fosse, perdeu o sono e ficou pensando naquilo que tanto a assustara. Seus olhos secaram como que inteiramente tomada por uma estiagem particular. Não quis ler, tomar um chá, engolir um remédio, fazer um telefonema, ligar a televisão... Ela não gritou, não suou, não tossiu, apenas ficou paralisada no seu canto da cama como que enfeitiçada por uma espécie de presságio maléfico, inevitável e tão concreto quão sua insônia. ...
continuar a ler


Comentar Seja o primeiro a comentar

25/01/2016 - Fugindo do ancoradouro

Outro navio chegou, aportou no porto das seis, e ela não chegou, não chegou outra vez. Ela ainda baila pelas águas e se a maré descer pode ser que ela chegue quando as mágoas baixarem. Pode ou não acreditarem, mas ela virá. Por enquanto não veio, mas o mar ainda está cheio e pode ser que será que quando menos se esperar ela estará entre nós fazendo pós em apaixonamento. Encantará de cabelos ao vento, de peito aberto e sorriso incerto. Aportará com olhos de maresia, viagens e paisagens a contar, e uma alegria difícil de disfarçar. Só que depois de tanto tempo pelas ondas, balançado para lá e para cá, descobrindo novos mundos e que o oceano não tem fundo, ela nunca mais se prenderá. Será como brisa que bate e alisa, que chega e desliza para longe. Terá tanto a dizer e ao mesmo tempo um silêncio de monge. Sinto esclarecer, mas quem chegar como âncora, ela despistará e no primeiro sopro suas velas há de inflar e tocar para o mar.


Comentar Seja o primeiro a comentar

06/06/2012 - Funcionalidades...

Pássaro que não voa. Viola que não canta. Trem que não apita. Boca que não beija. Bruxa que não pragueja. Telefone que não toca. Sol que não acende. Mar que não quebra. Fruta que não amadurece. Faca que não corta. Planta que não cresce. Fofoca que não se espalha. Segredo que não se esconde. Cachorro que não morde. Fé que não consola. Vela que não queima. Paixão que não dói. Promessa que não se cumpre. Porteira que não se rompe. Caminho que não caminha.

Árvore que não dá sombra. Comida que não enche. Cavalo que não pula. Lápis que não escreve. Noiva que não atrasa. Janela que não espia. Dobradiça que não dobra. Sino que não bate. Coberta que não esquenta. Café que não cheira. Mundo que não gira. Avião que não decola. Cheque que não cai. Primavera que não floresce. Livro que não termina. Relógio que não se movimenta. Ponte que não volta. Perfume que não cheira. Começo que não recomeça. Amor que não sofre. ...
continuar a ler


Comentar Seja o primeiro a comentar

18/11/2013 - Furo

O rato fura o queijo enquanto a língua fura o beijo enquanto o gato fura o lençol enquanto o espinho fura o sapato enquanto o bandido fura a mocinha enquanto a catinga fura a rainha enquanto o farol fura a escuridão enquanto o vinho fura a lucidez enquanto a oncinha fura o arrependido enquanto o desafinado fura a canção enquanto o tarado fura a nudez enquanto o querubim fura a nuvem enquanto o berro fura a quietude enquanto a ferrugem fura o ferro enquanto o rude fura o jardim enquanto o relâmpago fura o céu enquanto o âmago fura o raso enquanto a raiz fura o vaso enquanto a escrita fura o papel enquanto o vigarista fura o véu enquanto o aceleramento fura a cadência enquanto a presa fura a inocência enquanto o sentimento fura o coração enquanto a ausência fura a estrada enquanto a estrela fura a madrugada enquanto o coral fura a embarcação enquanto o canivete fura o embornal enquanto o pivete fura o sinal enquanto o aço fura o peito enquanto o defeito fura a qualidade enquanto o passo fura a estrada enquanto o marcapasso fura a saudade enquanto o cachorro fora o lixo enquanto a fome fura o bicho enquanto o lobisomem fura a donzela enquanto o seresteiro fura a janela enquanto o prisioneiro fura a cela enquanto o dia fura a noite enquanto o açoite fura a fantasia enquanto a praga fura a maçã enquanto a descrença fura a chaga enquanto a doença fura a rã enquanto a solidão fura a consciência enquanto o cigarro fura o pulmão enquanto a maledicência fura a lã enquanto o pecado fura o barro enquanto o lado fura o outro lado.


Comentar Seja o primeiro a comentar

02/07/2013 - Futebol de alto custo

A Copa é no Brasil, mas sua realização está longe de ser real. Aliás, é feita em dólar e em euro. Tudo isso para dar uma sensação de faz-de-conta. O governo desembolsou uma boa quantia para trazer a Copa para o Brasil. Foi gasto muito dinheiro público para levantar e transformar estádios, tudo no padrão Fifa de qualidade. Um negócio de bilhões, cujo pacote incluiu resultados e a garantia do título. Não há dúvida de que para o governo não dançar rolou a famosa mala preta transformando flamenco em samba. ...
continuar a ler


Comentar Seja o primeiro a comentar

Primeira   Anterior   5  6  7  8  9