Daniel Campos

Ou exibir apenas títulos iniciados por:

A  B  C  D  E  F  G  H  I  J  K  L  M  N  O  P  Q  R  S  T  U  V  W  X  Y  Z  todos

Ordernar por: mais novos   título

Encontrados 167 textos. Exibindo página 5 de 17.

29/12/2013 - O meu amor...

Cachoeira correu
Tempo virou
Mata quebrou
Medo cresceu
Céu relampejou
Vento bateu
E a saudade
Ainda não me contou
Onde anda o meu amor...

Já trovejou
Já estremeceu
Já serenou
Maré
Já encheu
Já esvaziou
E o meu amor
Não ligou
Não chamou
Não voltou...

Cadê seus cabelos?
O vento carregou
Cadê seu corpo?
A terra engoliu
Cadê sua boca?...
continuar a ler


Comentar Seja o primeiro a comentar

23/12/2014 - O meu canto só

O meu canto é canto de homem só
De homem só disposto a ser mais
Mais do que o bíblico e cíclico pó
O meu canto ecoa pra além nuvem
E vence do tempo a pior ferrugem
Sem ser de menos ou ainda demais
O meu canto é canto de ponto certeiro
Coisa de quem um dia já foi mateiro
Sabendo a penugem da ave por seu canto
O meu canto é canto de curió
Canto de dar pena, de dar tristeza, de dar dó
O meu canto é canto de pintagol
Que se desconstrói na falta de sol...
continuar a ler


Comentar Seja o primeiro a comentar

27/01/2017 - O meu melhor

Eu quero e vou dar o meu melhor a você
Pois você não merece os meus problemas.
Hei de te oferecer meus sonhos em buquê
Meus esforços e lutas em forma de poema.

Vou dar jeito chegar até seus olhos cenas
Do amor que sonhei para nós, momentos
De uma felicidade digna de tela de cinema
Para além de aparências, meus sentimentos.

Não quero compartilhar o que me faz pior
Mas justamente o que me leva a querer
Ser melhor do que sou. E confesso: é você...
continuar a ler


Comentar Seja o primeiro a comentar

10/06/2016 - O meu presente

Hoje
O meu presente
O meu melhor presente
O único presente que quero
E espero
É você,
Você presente.
Amanhã,
O meu futuro
O meu futuro predileto
O meu futuro-do-presente
É você.
Depois de amanhã
E pelos dias que seguem
Você é o meu pra sempre
Presente-perfeito que se pode ter.

Se hoje
O universo quiser me presentear
Que seja com você.
Se hoje
Há um presente ...
continuar a ler


Comentários Comentários (1)

08/07/2015 - O meu tudo

A escrita é o meu tudo
E o que me faz todo
E quando você vem
Vestida de palavras
É bonita e é bonita
Elevada ao além...
O verso é o meu mundo
Paixão sem porém
E quando ainda tem
Um amor de prosa
É gostosa, é gostosa
Tudo o que necessita
E excita meu sentimento
Amor, mulher, poesia
Entregue ao vento


Comentar Seja o primeiro a comentar

15/01/2017 - O mito do já era

Não importa o que foi feito
ou dito,
o que deu defeito...
quando há amor
tudo pode voltar a ser bonito;
o “já era” é só mito.


Comentar Seja o primeiro a comentar

O mundo é mais

Deixa eu lhe contar
O que há
Por detrás das montanhas
Do medo.

Deixa eu lhe falar
Que a vida
Não é só um mar
Azul.

É preciso mais
Do que os cartões postais
Para conhecer
O que não se pode entender
Sem se ter vivido.

Quero lhe mostrar
O vazio
Em que o sol se põe,
Um vazio cheio de olhares
Que não se encontram.

Deixa eu lhe explicar
Que o mundo é mais
Do que os anos...
continuar a ler


Comentar Seja o primeiro a comentar

O mundo é o mundo é o mundo

Quem eu sou
Senão esta coisa que ama
Sem medida,
Imagina
O que é amar
Sem ter resposta alguma,
Ter que amar
E se amar
Num só conjunto,
Como se o amor
Fosse uma estrada
Estreita e de mão única.

Ah! Aceita este amor
Que não é qualquer amor
Nem amor qualquer
Ninguém te ama como eu
Quero guardar-te
Do último perigo
Quero mostrar-te
O que todos os dias
Eu digo e bendigo
O mundo é o mundo é o mundo...
continuar a ler


Comentar Seja o primeiro a comentar

O mundo e seus cabelos brancos

Do meu lado, o mundo e seus cabelos brancos
Queixava-se de suas dores, reumáticas e psíquicas,
Enquanto tomava duas ou três doses de mar.
Gostava daquele gosto salgado, daquela espuma,
Daquele tom azul que não parava quieto no copo.
Falava de umas coisas que ninguém podia imaginar
Contava histórias que ninguém ousou contar
Falava de sua vida e de um amor proibido
Quantas as voltas em torno da lua
E a frustração de não poder tocá-la
Ficou tonto com tantas voltas, ...
continuar a ler


Comentar Seja o primeiro a comentar

28/12/2015 - O mundo passa sem mim

O mundo passa lá fora
Sem tomar conhecimento
Das minhas dores
Que me fazem ficar
Trancado dentro de casa
E de mim mesmo

O mundo passa lá fora
Dando tudo
A quem se dispõe
A vivê-lo
Em suas possibilidades
E impossibilidades

O mundo passa lá fora
E cá fico eu
Da janela dos meus olhos
Sem fundo
A observar a vida
Indo sem mim


Comentar Seja o primeiro a comentar

Primeira   Anterior   3  4  5  6  7   Seguinte   Ultima