Daniel Campos

Ou exibir apenas títulos iniciados por:

A  B  C  D  E  F  G  H  I  J  K  L  M  N  O  P  Q  R  S  T  U  V  W  X  Y  Z  todos

Ordernar por: mais novos   título

Encontrados 101 textos. Exibindo página 1 de 11.

14/08/2016 - Faça-se pai

Que um dia
Minhas palavras
Se tornem carne
E meus poemas
Tenham boca
Para me chamar
De pai
E corram pela casa
Fazendo arte.


Comentar Seja o primeiro a comentar

Fadas, duendes e afins

De quem são os meus dramas?
De quem são as minhas tramas?
De quem são os meus roteiros?
Eu queria ser atriz, bailarina, cantora
Morar no fim do mundo
Tendo o horizonte como uma promessa
A mais debaixo do meu travesseiro
Mas ora essa
Meus olhos fundos
Me dizem o quanto sou amadora
Em meus sonhadeiros
Antes de partir
Queimei meus veleiros
Fechei minhas janelas
Matei minhas donzelas
De quem são meus maiores enganos?...
continuar a ler


Comentar Seja o primeiro a comentar

Fado

Entre a doidice
E a tolice
Eu hei de viver-te
A cada dia
Em um futuro
Que chora
Dia após dia
Feito fado
Por estar
Sempre
E para sempre
Fadado
Ao passado.


Comentar Seja o primeiro a comentar

13/10/2015 - Fala coração

Coloca seu peito junto ao meu
Deixa o coração falar baixinho
Do que sonhou, do que amou
Do que sofreu e se arrependeu
Deixa o coração falar mansinho
Tudo o que precisa desabafar
Não vá segurar a emoção não
Deixa sangrar, bater, palpitar
Tudo, tudo o que precisa por
Pra fora seja amor seja dor
Seja mágoa, tristeza, rancor
Deixa seu coração sussurrar
Gritar, soluçar, espernear
Junto ao meu coração
Pois duas metades ...
continuar a ler


Comentários Comentários (1)

19/07/2014 - Fala peito

Meu peito
Ronca
Como cuíca solitária
Na quarta de cinzas

Meu peito
Geme
Como carro de boi
Na estrada vazia

Meu peito
Grita
Como ave órfã
Abandonada no ninho

Meu peito
Chia
Como vela ao vento
Num cortejo só

Meu peito
Uiva
Como lobo apaixonado
À lua cheia de solidão.


Comentários Comentários (1)

02/08/2014 - Fala pra mim

Fala pra mim
Do seu vestido
Da sua memória
Pra onde foi

Fala pra mim
Do seu esmalte
Do seu vinho
Por quem me tem

Fala pra mim
Da sua dieta
Do que te perturba
Como é ficar longe


Comentar Seja o primeiro a comentar

Falas

A mulher amada fala
Hebreu, Aramaico e Grego
Em seus ouvidos
Diz filosofias de amor
E comentários apocalípticos
Fala a linguagem dos pergaminhos
Fala e abre e fecha caminhos.

Em sua língua
Os 22 livros bíblicos
E os Apócrifos
Isto mesmo,
Em sua fala
Os evangelhos renegados
E até mesmo a bíblia do diabo
Além dos dialetos
De inúmeras seitas
Secretas ou não.

A mulher amada fala...
continuar a ler


Comentar Seja o primeiro a comentar

Falsas juras

Sorrir... é pedir para não chorar
Vendo a beleza mais bela
Sem que você a possa amar.
Surge... no veludo de uma rosa
Na varanda de tantos sonhos
Que não podem se acabar.
Talvez... seja a inspiração
E enfim se a flor a for
Anseio ser um poema sem fim...
Sorrir... eu quero sim
Mesmo com pena de mim
Sorrir... fingindo ser triste
Dando alpiste à ilusão que insiste
E pousa na plantação coração.

Eu juro que não a beijei...
continuar a ler


Comentar Seja o primeiro a comentar

04/08/2014 - Faltando um pedaço

Coloca seu sorriso
No meu
Dá sua boca
À minha
Falta-me
O juízo
Na sua falta
Adoeça-me
Sem alta
Durma
Nos meus braços
Suma
Pelos meus passos
Diz que sorrir
Ainda vale
Algum tempo
Fiquemos nus
Ao vento
Troquemos luz
Falemos de prazer
Falemos de querer
Só não me fale
De amor
Porque o amor
Já me abandonou


Comentar Seja o primeiro a comentar

16/05/2015 - Faminta

Seus dentes afiados e bem articulados
Furavam mais do que mordida de cachorro
Deixando suas marcas como se fosse Zorro
Tinha uma mordedura que era uma belezura
Mordia o mundo numa fome sem fundo
Comia nuvem, pedra, boca e até pensamento
Tudo o que via, sabia, sentia, conhecia ou não
Era de comer. Era para comer. Era seu comer.
E assim ela comia o dia e arrotava poesia
Comendo o que for e regurgitando amor
Assim era ela que não existe nesse tempo mais...
continuar a ler


Comentar Seja o primeiro a comentar

      1  2  3  4  5   Seguinte   Ultima