Daniel Campos

Ou exibir apenas títulos iniciados por:

A  B  C  D  E  F  G  H  I  J  K  L  M  N  O  P  Q  R  S  T  U  V  W  X  Y  Z  todos

Ordernar por: mais novos   título

Encontrados 33 textos. Exibindo página 4 de 4.

12/07/2010 - Grilagem

Era só o que faltava: grilos falantes e cantantes invadiram minha casa. Na cozinha, na sala, no banheiro, no quarto... No sapato, na geladeira, no guarda-roupa. Há uma epidemia de grilos. Os orientais dizem que eles são sinônimos de boa-sorte. Por alguns minutos tudo é festa, mas confesso que ficar sem dormir por conta deles é, no mínimo, um atestado de azar. Mau-humor, indisposição, náuseas. Que cantoria de uma nota só é essa pelo amor de Deus?

De onde vieram os insetos ortópteros, da subordem ensifera, da damília dos grilídeos? Será que vieram das nuvens ou das ferrugens do chão. Mas aqui só tem plantação de sonhos e mais nada. Não sei se gostam de sonhar, mas agora que eles acharam direitinho a minha estrada só resta pedir ajuda às fadas, aos duendes, aos elfos... É um reco-reco nascendo sem parar desses bichos esverdeados. Minha esposa já arrumou as malas......
continuar a ler


Comentar Seja o primeiro a comentar

04/02/2011 - Grita que fica

Se for falar de separação, por favor, não fale agora. Não é hora de lhe perder. Quer porque quer me fazê-la esquecer de um modo que ainda não pude. Mulher,baixe a guarda, esse jeito rude não combina com você. Quem nasce pra fada não tem porque se praguejar tanto assim. Tem pena de si, tem dó de mim. O nosso amor não merece chegar ao fim.

Ao fim dos beijos. Ao fim dos ensejos de nós dois. Ainda há muito pra se fazer depois. Depois de hoje, depois de amanhã, depois do tempo que vem, não lhe convém pegar o primeiro trem. Não lhe convém dar os braços à solidão e sair às ruas sozinha , tão livre e quão minha. Ah! Mulher não me deixe aqui com esses ais, o que vou fazer com os sonhos, costumes e retratos de casais?...
continuar a ler


Comentar Seja o primeiro a comentar

18/07/2015 - Guardação

O que você guarda no fundo das suas gavetas? O que você sucumbe sob sua cama? O que você armazena atrás do seu armário? O que você empurrou para debaixo do tapete? O que você colocou no esquecimento? O que você segreda pelos cantos? O que você deposita no seu baú? O que você mantém em seu sótão? O que você abandonou no seu porão? O que você enterra? O que você esconde? Do que você se desfaz não se desfazendo? O que você jogou fora dentro de você?


Comentar Seja o primeiro a comentar

Primeira   Anterior   1  2  3  4